Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Procrastinar Também é Viver

Blogue sobre trivialidades, actualidades e outras nulidades.

Procrastinar Também é Viver

Blogue sobre trivialidades, actualidades e outras nulidades.

Braga #6 - o quanto eu gosto dela

Adoro estar em Braga. É uma cidade equilibrada - nem muito movimento, nem pouco; nem muitos edifícios, nem poucos; nem muitas pessoas, nem poucas. Parece que tudo está perto de tudo e que, em cinco minutos, podemos atravessar a cidade de uma ponta à outra. O sotaque nortenho é vincadíssimo e, por vezes, tenho de perguntar às pessoas para repetirem o que me dizem duas e três vezes. Aqui, sou a miúda da Margem Sul ou a miúda de Lisboa (LisboUa), que diz maçã (maçãEE) e chama ténis às sapatilhas. Sou uma freak, mais do que o habitual, pelo menos. Acho os bracarenses bastante diferentes do pessoal da zona de Lisboa e arredores. Apesar de, em geral, serem mais descontraídos, estão bem mais preocupados com o futuro e têm uma maior noção de comunidade (viva o NUorte!). Fui acolhida com simpatia e à vontade pelos meus colegas, monitores e “professores” do curso. Sinto-me melhor integrada no meu grupo de trabalho no espaço de um dia, em Braga, do que me sentiria numa semana, na minha zona. Não percebo qual será a relação, mas o certo é que as mentalidades são distintas.

3 comentários

Comentar post