Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Procrastinar Também é Viver

Blogue sobre trivialidades, actualidades e outras nulidades.

Procrastinar Também é Viver

Blogue sobre trivialidades, actualidades e outras nulidades.

O que tem acontecido entretanto

Terminei o segundo ano da licenciatura, mas ainda me vou inscrever a dois exames de melhoria. As notas do segundo semestre foram melhores do que o esperado, por isso fiquei bastante feliz. Terminei os três meses de estágio, apesar de ainda ter algumas tarefas para concluir.

Participei num intercâmbio europeu, semelhante ao projecto de Newcastle no Verão passado, mas desta vez detestei-o. A organização era péssima, ainda que a intenção fosse boa. As idades dos participantes eram demasiado diferentes, alargavam-se entre os 14 e os 21 anos, havia quem não pescasse puto de Inglês, a comunicação entre líderes era nula, o local onde se realizou o intercâmbio não era o mais indicado para adolescentes e jovens adultos (uma escola primária, numa vila pacata e sem movimento chamada Rujiena, que fica a quarenta minutos da cidade mais próxima)... Podia ficar para aqui a enumerar todas as falhas da semana na Letónia, mas pelo menos ainda dei um saltinho de hora e meia a Riga e outro de um dia (enquanto fazia escala entre os vôos de regresso) em Frankfurt.

Fiz vinte anos enquanto estive no intercâmbio, pelo que tive direito a cantigas de "Parabéns" não só em português, como também em letão, turco e sueco. Regressei e juntei quase todos os meus amigos na segunda-feira, para uma festa de aniversário tardia. Não soprei velas nem nada, porque para mim isso é tudo uma mariquice acessória - há quem goste, mas eu não. Nunca me farto de dizer o quanto me faz bem à alma ter estes encontros de come&fala com aqueles com quem tenho crescido nos últimos anos, com alguns desde há largos, largos anos.

Fui sempre lendo Animal Farm, de George Orwell, e fiquei apaixonada. Por favor, leiam-no! É um livrinho pequeno, com cerca de 54 páginas A4 (deixo-vos o link para o ebook). Acabei igualmente de ler Onze Tipos de Solidão, de Richard Yates, a minha única compra na Feira do Livro de Lisboa deste ano (livro do dia da Quetzal, a 5€).

Vi os primeiros quatro episódios da 3ª temporada de Devious Maids. Continuo a ler Ana Karenina.

1 comentário

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.