Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Procrastinar Também é Viver

Blogue sobre trivialidades, actualidades e outras nulidades.

Procrastinar Também é Viver

Blogue sobre trivialidades, actualidades e outras nulidades.

sobre pilinhas

Beatriz: ... o que uma cara bonita faz...!


Inês: Ele tem pilinha e está tudo explicado.


Beatriz: AHAHA, tenho tanta vontade de pôr essa no blogue.


Inês: Podes pôr, mas tenho uma melhor. DEIXA-ME DIZER, DEIXA!


Beatriz: Força!


Inês: Quando os pais têm um filho, preocupam-se com uma pilinha, mas quando têm uma filha, preocupam-se com duzentas.

a vida não é como andar de bicicleta.

 


   Aprendi a andar de bicicleta aos dez anos. Não fazia a mínima ideia de como ganhar equilíbrio e manter a postura. Pedalar era coisa rara - arrastava-me através de pequenos impulsos de pés. Ainda assim, com o passar do tempo, esqueci-me do medo que me prendia os olhos aos chão, do medo de cair e do medo de falhar. Falhar é humano!


   Um mês depois, consegui, por fim. Descobri que, quando sinto o vento contra a cara e a energia a libertar-se, enquanto dou tudo por tudo para andar mais depressa, me lembro de aspectos bastante peculiares sobre o que me rodeia - o alcatrão molhado por alguma mangueira ligada, os portões enferrujados, os pomares dentro das vivendas, tal como uma infinidade de outros pormenores - e acabo sempre por me perguntar o que os levou até ao ponto em que se encontram. (Ter-se-ia alguém esquecido de desligar a torneira exterior?)


 


 



 


   Mas a vida não é como andar de bicicleta. É feita de pequenos desafios, em que podemos ser bem sucedidos ou esperar pela próxima oportunidade de tentar. Por muita experiência que tenhamos, nunca estaremos certos do resultado. E ter medo não é uma opção, nem apressar o ritmo! Além do mais, se quisermos viver plenamente, constantemente no auge, não perderemos muito tempo a questionar-nos, certo?

as boas pessoas

 


ÀS 20H, BEATRIZ PUBLICA: "eu devo ser boa pessoa, porque as boas pessoas são sempre quem se lixa."


 


ÀS 21H, BEATRIZ PUBLICA: "decididamente, eu devo ser boa pessoa - não tenho a certeza - mas lixo-me sempre."


 


ÀS 23H, BEATRIZ CONCLUI: "ah, pois! A Beatriz lixa-se sempre e ponto final."