Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Procrastinar Também é Viver

Blogue sobre trivialidades, actualidades e outras nulidades.

Procrastinar Também é Viver

Blogue sobre trivialidades, actualidades e outras nulidades.

Teremos sempre o Tejo

37806718_10211954829495015_2825602767211462656_n.j

 

Não admira que Camões tenha pedido inspiração às Tágides, porque um rio com uma luz assim só poderia albergar ninfas e vida fantástica, seres míticos e lágrimas de quem viu os seus ir e regressar ao longo de séculos. O rio Tejo tem, para mim, uma aura mágica. Chamem-me romântica ou pirosa, mas não consigo negar que este rio exerce um efeito libertador, relaxante e criativo sobre mim. Consigo estar sentada à beira-mar durante várias horas - algures numa esplanada, no chão, num banco, num muro ou na relva - a pensar, a ler e a escrever. Sinto-me mais leve, mais feliz e produtiva quando o faço. Aliás, alguns textos aqui publicados tomaram forma perto do Tejo. Trabalho perto quase todos os dias e, por vezes, tiro uns minutos para me sentar a vê-lo, aos cacilheiros, aos veleiros e aos cruzeiros. É frequente lá almoçar ou comer um gelado, se estiver sol - tanto melhor.  A margem Sul do outro lado, o Cristo Rei a despontar no meio das nuvens, uma ponte de cada lado a cruzar o horizonte. O Tejo é o meu sítio especial.

 

Como não amar o Tejo? Nos melhores e nos piores dias, tê-lo-emos, sempre.

7 comentários

Comentar post